As 9 Normas ABNT que você precisa conhecer sobre como fazer TCC

As 9 Normas ABNT que você precisa conhecer sobre como fazer TCC
3.7 (73.33%) 3 votes

Você está fazendo um TCC, mas nunca viu uma das normas ABNT de perto, confere?

Eu aposto que sim!

As normas ABNT representam um grande mistério para muito gente e isso só ajuda a fortalecer o mito de que fazer um TCC é difícil.

Eu tive mais noção disso depois que eu fiz o vídeo sobre as novas normas aplicáveis ao artigo científico…

Foram várias perguntas e e-mails durante a semana passada…

Então eu resolvi quebrar um pouco a rotina e fazer esse artigo, em que eu vou te explicar:

1 – O que é ABNT;

2 – As três coisas importantes sobre as normas ABNT;

3 – Para quê servem cada uma das nove normas ABNT.

Mas olha, eu já vou te adiantando que as normas ABNT juntas representam uma grande quantidade de informação, distribuídas em dezenas de páginas.

Eu levei anos para dominar o conteúdo de todas elas e sei que não vale a pena você parar de avançar com o seu TCC para se especializar nas normas ABNT.

Grupo 5 Estrelas

Por isso, eu criei um serviço pioneiro e único no Brasil. É o Grupo 5 Estrelas!

Um Grupo de WhatsApp, onde as pessoas podem tirar todas as suas dúvidas pessoalmente comigo.

Eu ajudo as pessoas a melhorar o seu tema, a montar sua matriz de pesquisa e tiro todas as dúvidas delas.

Você não precisa decorar todas as normas ABNT, pois eu posso te ajudar com elas lá no Grupo 5 Estrelas!

Graças a Deus, a resposta tem sido muito positiva e já são centenas de pessoas ajudadas.

Pena que os grupos de WhatsApp tem uma quantidade limitada de membros e eu não consigo dar atenção a mais do que um grupo.

Por isso, as vagas estão cada vez mais acabando e, quando o grupo encher, eu vou encerrar as inscrições.

Se você quiser saber um pouco mais sobre o Grupo 5 Estrelas, clica aqui e veja mais informações.

O que é ABNT?

A ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas é uma entidade privada.

Quer dizer, ela não tem nenhuma ligação com o governo, nem com o Ministério da Educação… é uma associação.

Ela tem, como objeto principal, desenvolver trabalhos de normalização técnica.

Assim, a ABNT organiza comissões de especialistas em muitas áreas para estabelecer os procedimentos, as medidas e os formatos padrão de diversas coisas.

Essa padronização é feita por meio de normas que a ABNT chama de NBR’s, sigla que significa Norma Brasileira.

Existe NBR para inúmeros tipos de coisas… os trabalhos científicos são apenas uma pequena parte das coisas normalizadas pela ABNT.

E a ABNT gera suas receitas justamente vendendo exemplares impressos e eletrônicos dessas normas, bem como pela oferta de cursos sobre essas NBR’s.

Essas características dizem muito sobre as normas ABNT e os mitos que rodam o TCC.

Eu posso destacar pelo menos três coisas importantes que você tem que saber… Então vamos falar agora dessas três coisas importantes sobre as normas ABNT.

Normas ABNT

Primeiro, as normas ABNT realmente são importantes… Por que elas são feitas por especialistas e visam criar, de forma neutra, um formato padrão para os trabalhos científicos.

Mas nós não podemos esquecer que o dinheiro que a ABNT ganha é com a venda dessas normas e com cursos sobre elas.

Então, a segunda coisa importante é que a ABNT não tem interesse nenhum em tornar essas normas simples, objetivas e práticas…

É por isso que não existe uma norma só, mas várias delas.

E também é por esse motivo que essas normas não são lá muito didáticas.

E a terceira coisa importante é que a padronização da ABNT não é única e nem é obrigatória.

Quer dizer, existem outros sistemas de padronização do formato de trabalhos científicos, embora o da ABNT seja de longe o mais usado no Brasil.

Além disso, como a ABNT é uma associação privada, não existe lei nenhuma que obrigue as faculdades a usar suas normas.

Portanto, as normas ABNT são apenas uma referência… Cada faculdade tem o poder de estabelecer as regras de formatação que quiser!

Então, é muito comum que as próprias faculdades criem seus próprios manuais de formatação e muitas fornecem até modelos prontos.

A ideia é cortar custos e simplificar um pouco as normas, mas no fundo, no fundo, o que as faculdades fazem mesmo é replicar as normas ABNT.

Por isso, não tem jeito, você tem que saber pelo menos quais são as normas ABNT para poder consultá-las quando tiver alguma dúvida.

NBR 14724:2011

A primeira, e mais importante norma da ABNT, na minha opinião, é a NBR 14724, que está valendo desde dezessete de abril de dois mil e onze.

Essa norma determina como deve ser a formatação de qualquer trabalho acadêmico, especialmente as monografias, teses e dissertações.

Ela determina como é a estrutura de um TCC, informando quais são os seus elementos.

Além disso, essa norma explica como devem ser feitas as principais partes do de um TCC.

Para mim, ela é leitura obrigatória!

NBR 6022:2018

Porém, se o seu TCC é um artigo científico, você vai precisar, também, da NBR 6022, que entrou em vigor em dezesseis de maio de dois mil e dezoito.

Essa norma estabelece as regras específicas de formatação de artigos científicos voltados à publicação em revistas e periódicos.

NBR 10719:2015

Uma outra norma ABNT que eu posso apresentar para você é a NBR 10719, que entrou em vigor em vinte e cinco de junho de dois mil e quinze.

Ela estabelece as regras para o relatório de pesquisa, que é um tipo de TCC um pouco diferente das monografias.

Essa norma, basicamente, repete os principais conceitos da NBR 14724 e acrescenta outros detalhes.

Mas o relatório de pesquisa não é um tipo de TCC comum, então provavelmente você não precisará usar essa norma.

NBR 15437:2006

Também existe a NBR 15437, que entrou em vigor no dia seis de dezembro de dois mil e seis.

Essa norma determina como devem ser feitos os pôsteres de apresentação de trabalhos acadêmicos.

Você já deve ter visto esse tipo de apresentação… tem faculdades que não pedem uma apresentação formal do TCC.

Essas faculdades normalmente fazem eventos, em que os pôsteres ficam expostos num ambiente, abertos para visitação.

Nesse caso, os autores ficam à disposição para apresentar o trabalho para quem estiver na exposição.

É um formato muito interessante, mas infelizmente não é uma estratégia muito comum nas faculdades brasileiras a realização de eventos de pesquisa científica.

NBR 6027:2013

A próxima norma que eu posso destacar para você é a NBR 6027, que está válida desde o dia onze de janeiro de dois mil e treze.

Essa norma estabelece as regras que devem ser seguidas para se fazer um sumário.

Nesse sentido, eu devo advertir que você só vai precisar mesmo dessa norma, se for fazer uma monografia, uma tese ou dissertação.

Isso por que o sumário não aparece nos artigos científicos.

Entretanto, existem outras quatro normas que são aplicáveis a qualquer tipo de TCC.

NBR 6024:2012

Uma delas é a NBR 6024, vigente desde o dia primeiro de março de dois mil e doze.

Essa norma estabelece como é a numeração progressiva das seções de qualquer tipo de TCC.

Quer dizer, ela estabelece como você deve fazer a numeração dos capítulos e sub-capítulos do seu TCC.

É uma norma pequena e simples, mas muito importante.

NBR 10520:2002

A segunda delas é a NBR 10520, que já está e valendo desde vinte e nove de setembro de dois mil e dois.

Essa é a norma que explica como devem ser feitas as citações diretas e indiretas, bem como a citação de citação.

É uma norma já bastante antiga, que tem gerado algumas dúvidas sem respostas.

A boa notícia é que ela está em fase de revisão e, provavelmente, em breve será atualizada pela ABNT.

Mas nem se preocupe, pois, assim que sair uma nova versão, eu vou fazer um vídeo com as principais novidades.

NBR 6028:2003

A terceira dessas normas é a NBR 6028, que está válida desde vinte e nove de dezembro de dois mil e três.

Essa norma traz as regras para se fazer o resumo do TCC.

Como você deve ter notado, ela também é uma norma antiga e também está em revisão.

Então, é muito provável que em breve eu tenha que fazer um vídeo novo também para mostrar suas mudanças.

NBR 6023:2002

E, por fim, temos a NBR 6023, que está valendo desde o dia vinte e nove de setembro de dois mil e dois.

Essa é a norma que ensina como devem ser feitas as referências bibliográficas de um TCC.

É uma norma extensa, com nada menos que vinte e três páginas.

Pronto!

Agora você conhece as nove principais normas ABNT que podem ser úteis para quem está fazendo um TCC.

Então, por favor, compartilha esse artigo nas suas redes sociais para que outras pessoas também tenham acesso a esse material!

Conclusão

Infelizmente, eu não tenho autorização para distribuir essas normas ABNT.

Mas eu creio que outras pessoas e entidades tem, pois você consegue achar todas essas normas com muita facilidade na internet.

Basta digitar a sigla NBR, o número da norma e o ano, que facilmente o google te mostra onde você pode baixar cada uma dessas normas.

Mas eu queria saber uma coisa… Você fazia alguma ideia de que existiam tantas normas ABNT assim? O seu orientador te falou alguma coisa sobre elas? Você já tinha visto alguma delas?

Me fala aqui abaixo nos comentários! Eu vou ler tudo e quem sabe eu não consigo responder e até te ajudar mais um pouquinho?

Um abraço e até o próximo artigo!

Veja no YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=ryRvJ2FRpSU

Comentários

2018-10-12T01:54:09+00:00

Deixe um comentário!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Normas ABNT - As 9 normas ABNT fundamentais sobre como fazer TCC

As normas ABNT são essenciais para descobrir como fazer um TCC. Então, conheça agora mesmo as 9 normas ABNT sobre como fazer a formatação de TCC.